Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre

Esporte Tour das Estrelas encerra temporada do turfe em alto estilo no Cristal

Compartilhe esta notícia:

Jóqueis brasileiros foram homenageados pela presidência do JCRGS no Cristal. (Foto: Pedro H. Tesch/Agência Preview)

O Jockey Club do Rio Grande do Sul viveu uma quinta-feira (17) inesquecível para os amantes do turfe. Nove jóqueis brasileiros consagrados no mundo das corridas disputaram o “Tour das Estrelas”, em Porto Alegre, em um dia quente e ensolarado. Altair Domingos, Eurico Rosa, Everton Rodrigues, Francisco Leandro, Jorge Ricardo, José Aparecido, Manoel Cruz, Silvestre de Sousa e Tiago Josué Pereira foram as atrações da reunião turfística de encerramento da temporada de 2015.

Confira como foram os 13 páreos (dois foram cancelados por falta de energia elétrica):

1º páreo

O primeiro páreo homenageou o jornalista André Malinoski, editor de Esporte de O Sul. O vencedor da carreira foi a potranca gaúcha Jóia do Calu, conduzida por J. A. Rodrigues, que triunfou nos 1.200 metros de areia para potrancas de 3 anos sem vitórias com o tempo de 1min15s. A castanha, do Stud Calu SM, pertence a Léo José Vianna Madruga.

2º páreo

Desejado Prospector, com a condução de C. Farias, ganhou o Prêmio Everton Rodrigues com páreo de 1.600m para produtos de 4 anos (sem mais de quatro vitórias e 5 anos sem mais de cinco vitórias) com o tempo de 1m42s. Foi a segunda corrida da tarde.

3º páreo

Olympic Fact, com A. Santana no comando, faturou o Prêmio José Aparecido depois de 1.200m para produtos de 3 anos sem vitória com o tempo de 1m16s.

4º páreo

Fire Cracker, pilotado por C. Machado, ficou com o Prêmio Francisco Leandro em 1.200m para produtos de 3 anos sem vitória com o tempo de 1m15s.

5º páreo

Velvet Blue, com C. Farias na montaria, triunfou no Prêmio Manoel Nunes com páreo de 1.600m para éguas de 4 anos (sem mais de duas vitórias, 5 anos sem mais de três vitórias, 6 anos sem mais de quatro vitórias e 7 anos sem mais de cinco vitórias) com o tempo de 1m45s.

6º páreo

Raio de Sol, tendo a condução de F. Leandro, abocanhou o Prêmio Pedro Ernesto Denardin após 1.600m para potrancas de 3 anos (sem mais de três vitórias) com o tempo de 1m45s.

7º páreo

Xucesso com a condução de S. D. Souza venceu o Prêmio Vetnil com páreo de 1.600m para produtos de 3 anos (sem mais de três vitórias). Tempo de 1m45s.

8º páreo

Obrigado, com C. Farias na direção, ganhou o Prêmio Silvestre de Sousa com páreo de 1.600m para produtos de 4 anos (sem mais de duas vitórias, 5 anos sem mais de três vitórias, 6 anos sem mais de quatro vitórias e 7 anos sem mais de cinco vitórias), com o tempo de 1m44s.

9º páreo

Beach Dance, com a condução de J. Aparecido, brilhou no Clássico Profissionais do Turfe – Homenagem Ernani Polo depois de páreo de 1.600m para éguas de 3 anos e mais de idade. Tempo: 1m44s.

10º páreo

Mata Ja, com S. de Souza nas rédeas, venceu o Prêmio Fernando Ernesto Corrêa com páreo de 1.200m para produtos de 3 anos (sem mais de uma vitória). O tempo foi de 1m15s.

11° páreo

Chevrotine, com a condução de B. Santos, conquistou o Prêmio Eurico Rosa com páreo de 1.000m para produtos de 4 anos (sem mais de uma vitória) com o tempo de 1m01s.

12º páreo

Kacique Fon, com o jóquei F. Leandro, levou o Clássico Presidente José Pinheiro Borda – Encerramento – Homenagem ao Presidente da OSAF – Carlos Palermo com páreo de 1.900m para produtos de 3 anos e mais de idade, com o tempo de 1m46s.

13º páreo

Big Laura, com M. Boeira, ganhou o Prêmio Jorge Ricardo depois de 1.000m para éguas de 4 anos (sem vitória, 5 anos sem mais de 1 vitória e 6 anos sem mais de duas vitórias). Tempo: 1m03s7/10c.

Castanha Jóia do Calu venceu o páreo André Malinoski, jornalista de O Sul. (Foto: JCRGS/Divulgação)

Castanha Jóia do Calu venceu o páreo André Malinoski, jornalista de O Sul.  (Foto: Pedro H. Tesch/Agência Preview)

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

Inter aceita vender Alisson e destino do goleiro está entre a Roma e a Juventus
Após receber indenização milionária de 35 milhões de reais, Michael Jordan doa tudo para instituições de caridade
Deixe seu comentário
Pode te interessar