Sábado, 19 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
12°
Mostly Cloudy

Cultura Viva o Centro a Pé é indicado ao 33º Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade

Compartilhe esta notícia:

A próxima edição do Viva o Centro a Pé Virtual acontece neste sábado, às 10h.

Foto: Eduardo Beleske/PMPA
A próxima edição do Viva o Centro a Pé Virtual acontece neste sábado, às 10h. (Foto: Eduardo Beleske/PMPA)

O projeto Viva o Centro a Pé realizado pela Coordenação da Memória Cultural da SMC (Secretaria Municipal da Cultura)  foi um dos indicados do Estado para a etapa nacional do 33º Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade. A premiação, de caráter nacional, é promovida pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) desde 1987 em reconhecimento às ações de preservação do patrimônio cultural brasileiro que, em razão da sua originalidade, vulto ou caráter exemplar, mereçam registro, divulgação e reconhecimento público.

O projeto Viva o Centro a Pé

Realizado há mais de 10 anos com o objetivo de ampliar o conhecimento dos cidadãos sobre a história da cidade e seu patrimônio cultural por meio de caminhadas orientadas por especialistas. Iniciou em 2006, com a coordenação do arquiteto Glênio Bohrer e da socióloga Liane Klein e, atualmente, é coordenado e executado pelo Centro de Pesquisa Histórica, equipamento vinculado à CMC.

Em 2018, o projeto desdobrou-se no Viva Porto Alegre a Pé como forma de diferenciar os roteiros realizados fora do perímetro central da cidade e, em 2019 contou com um evento específico para crianças chamado Porto Alegre na Palma da Mão.

Até o ano de 2014 foram registradas 117 edições do Viva o Centro a Pé, com público de mais de 10 mil participantes, orientados por mais de 26 especialistas. De 2018 a 2019 foram realizados mais 25 eventos com quase 2.500 participantes, orientados por mais outros 21 especialistas. Foram criados mais de quarenta roteiros e, devido à crescente demanda, passou a contar com duas edições mensais, quando chegou a reunir grupos de mais de 200 pessoas. No total, mais de 40 especialistas orientaram as caminhadas para grupos formados por pessoas de todas as idades vindos de Porto Alegre e de fora da capital.

Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade

Criado pelo Iphan, desde 1987,  é o maior evento cultural em reconhecimento aos brasileiros que atuam na gestão, preservação e valorização do Patrimônio Cultural. Este ano, 121 participantes, de todo o país, estão na disputa para etapa final. Os projetos vencedores serão agraciados com título de preservação, valorização e promoção do Patrimônio Cultural Brasileiro, além da premiação de R$ 20 mil.

A coordenadora da CMC, Ronice Giacomet, comemora a indicação do projeto ao prêmio. ” O Viva o Centro a Pé é um projeto muito querido e importante para a prefeitura. Os passeios são planejados com muita dedicação da equipe. Recebemos com muita alegria esta indicação”, diz.

Próxima edição

A próxima edição do Viva o Centro a Pé Virtual Viaduto Otávio Rocha: Projeto e Obra acontece neste sábado (15), às 10h.

Passeio virtual sobre o projeto e obra do Viaduto Otávio Rocha, bem tombado municipal, cujo projeto foi de grande impacto urbanístico na cidade nos anos 20 do século passado. Atividade pode ser conferida na página do CPH no Facebook – https://www.facebook.com/poacph. O orientador será Lucas Volpatto. Confira as edições do Viva o Centro a Pé no blog do CPH – https://cphpoa.wordpress.com.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cultura

Convention Bureau Porto Alegre estimula a retomada de eventos no Rio Grande do Sul
Liberado trânsito da avenida Ernesto Neugebauer, na Zona Norte de Porto Alegre
Deixe seu comentário
Pode te interessar