Últimas Notícias > Capa – Você viu > Google e Amazon vão liberar streaming nos seus respectivos dispositivos

Câmara quer votar hoje projeto dos servidores municipais de Porto Alegre

Plenário da Câmara de Porto Alegre vota hoje o polêmico projeto. (Foto: Divulgação)

A movimentação será intensa nesta segunda-feira na Câmara Municipal de Porto Alegre. Os vereadores retomam a votação do projeto do Executivo que propõe alterações no Estatuto dos Servidores Públicos do Município. O projeto mobiliza os servidores, pois propõe alterações em relação ao regime de trabalho, aos acréscimos e gratificações, no que diz respeito à composição, concessão e incorporação de parcelas que compõem a remuneração praticada.

Porto de Torres

O senador Luiz Carlos Heinze ajusta hoje em reunião às 14 horas no Palácio Piratini com o governador Eduardo Leite, detalhes do projeto do porto de Torres. Ele estará acompanhado do prefeito Carlos Souza. Heinze conseguiu junto ao presidente Jair Bolsonaro, espaço para que o projeto transite no governo federal.

Brique fez homenagem a Pujol

Homenageado neste domingo em ato festivo no Parque da Redenção como um dos idealizadores do Brique em Porto Alegre que comemorou 41 anos, o vereador Reginaldo Pujol (DEM), vice-presidente da Câmara de Vereadores lembrou que “nos inspiramos em referencias similares existentes em Buenos Aires e Montevidéu. Mas hoje o Brique passou a referência”. Pujol lembrou ainda a figura do ex-prefeito Guilherme Vilela “que acreditou nesta ideia e criou as condições para que ela se concretizasse”.

O custo Lula

O Ministério Publico vai insistir para que o prisioneiro Lula da Silva, condenado em primeira e segunda instância, cumpra sua pena no mesmo sistema prisional de Pinhais, onde se encontram outros presos como Eduardo Cunha. A principal razão: Lula custa R$ 10 mil por dia para os contribuintes brasileiros, mais as regalias negadas a qualquer outro preso, como banho quente, TV e banheiro privativo. Além disso, mesmo condenado e preso, Lula dispõe de quatro seguranças, dois assessores, dois motoristas e dois carros oficiais que custam R$ 735 mil por ano.

A volta do asfalto

O secretário dos Transportes Juvir Costella comemora o recebimento da primeira remessa de 400 toneladas de asfalto, que já foi distribuído para as unidades do DAER no interior do Estado. Uma operação tapa-buracos em caráter de urgência vai enfrentar problemas sérios localizados em diversas rodovias do Estado. Para voltar receber asfalto, o Estado teve de pagar R$ 11,5 milhões dos R$ 13 milhões devidos à subsidiária da Petrobras.

RS Parcerias com Ruy Irigaray?

Previsto para as 10 horas desta segunda-feira, no Palácio Piratini, o lançamento do Projeto RS Parcerias desperta uma curiosidade: se o deputado Ruy Irigaray, do PSL, já será apresentado como novo Secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo, para tocar o projeto.

Bolsonaro e Onyx

O presidente Jair Bolsonaro inicia a semana em Brasília, despachando com o ministro da Casa Civil Onyx Lorenzoni, às 8 horas.

Deixe seu comentário: