Terça-feira, 18 de Maio de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
15°
Cloudy

Inter Bracks explica situação com Guerrero mas lamenta assunto ser tratato publicamente

Compartilhe esta notícia:

O dirigente colorado, em coletiva, falou sobre os acontecimentos envolvendo Paolo Guerrero

Foto: Divulgação / S. C. Internacional

Paolo Guerrero vem sendo principal assunto no âmbito colorado nos últimos dias. O jogador junto do seu staff publicaram uma nota via Instagram explicando uma insatisfação do atleta com a diretoria e um desrespeito pela forma que o seu contrato vinha sendo trabalhado. Paulo Bracks, Diretor Executivo de Futebol, falou em coletiva após a derrota do Inter para o Juventude, sobre os últimos acontecimentos acerca do centroavante peruano.

Nesta segunda-feira (03), a direção do Inter começará a tratar o caso. Como explicou Bracks, a situação pegou todos de surpresa na última sexta-feira, e com isso, após tomar ciência da nota, os dirigentes colorados iriam rever o que ser feito. Contudo, em todas as perguntas feitas ao Executivo, fez questão de reiterar que o peruano era um atleta do clube e que o mesmo contava com os seus trabalhos. Entretano, Paulo Bracks lamentou o fato como aconteceu: “Esses assuntos não deveriam ser tratatos publicamente, e sim entre o empregado e empregador e é assim que vamos tratar”.

Questionado sobre uma falta de respeito com o atleta, como citado em nota, Bracks comentou: “De modo algum não há nenhum tipo de falta de respeito com o atleta. Está tendo tudo para se recuperar. É um atleta que desde o início vem tendo toda nossa atenção. Então de maneira alguma. É alguém que diariamente conversamos e convivemos. Nos surpreendeu”. Ainda, o dirigente comentou que não poderia responder pelo o que Guerrero está insatisfeito e sua veraciade. Mas, revelou que o jogador em nenhum momento conversou com a direção a respeito do assunto: “Não ouvimos nada vindo do Guerrero, e sim lemos através de um intermediário que já tem uma história antiga no Inter”.

Paulo Bracks também explicou que o Inter está apto com todos os contratos vigentes por CLT e desde sua chegada em janeiro deste ano, o clube não atrasou nenhuma vez os salários. E lembrou que para solicitar a rescisão de contrato, o jogador e seu staff sabiam o caminho, e que não era através de notas nas redes sociais. O dirigente tentou se arriscar em um motivo pelo qual o jogador esteja insatisfeito, mas não confirmou: “Ele está tentando ficar apto, talvez esteja incomodado com isso. Nós também estamos. Mas estamos fazendo o possível para que ele possa voltar 100%”.

Sobre o contato de empresários, e algumas manifestações contrárias que vem acontecendo até com um certo tipo de frequencia nos últimos dias, Bracks explicou que a direção tem uma relação boa com os gestores e que acontece semanalmente, ou até, diariamente. Mas fez questão de deixar claro um ponto: “O Inter é muito maior que qualquer pessoa e qualquer intermediário”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Inter

Ramirez diz contar com Guerrero e contesta arbitragem “Há muita coisa que é contrária”
Com aproveitamento superior a 60%, Ramirez completa 10 jogos na casamata colorada
Deixe seu comentário
Pode te interessar