Sábado, 12 de Junho de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Fair

Política Diretor-presidente da Anvisa presta depoimento à CPI da Covid; acompanhe

Compartilhe esta notícia:

Ele é o primeiro a prestar depoimento aos parlamentares nesta segunda semana de oitivas à comissão

Foto: Pedro França/Agência Senado
Ele é o primeiro a prestar depoimento aos parlamentares nesta segunda semana de oitivas à comissão. (Foto: Pedro França/Agência Senado)

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Pandemia ouve nesta terça-feira (11) o diretor-presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Antonio Barra Torres.

Ele é o primeiro a prestar depoimento aos parlamentares nesta segunda semana de oitivas à comissão. A fala de Barra Torres estava marcada para a quinta-feira (06), mas com o alongamento do depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, a sessão precisou ser adiada.

A convocação do diretor-presidente da Anvisa foi solicitada por quatro parlamentares. Em um dos requerimentos, o senador Angelo Coronel (PSD-BA) questiona o fato de a agência ter negado autorização à vacina Sputnik V.

Os outros requerimentos foram assinados pelos senadores Eduardo Girão (Podemos-CE), Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Pandemia, e Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente do colegiado.

O senador Omar Aziz (PSD-AM) atualizou o calendário de depoimentos na CPI da Pandemia, com a troca de datas entre os depoimentos dos representantes do Instituto Butantan e da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz).

Nesta semana, além do diretor-presidente da Anvisa, será realizada na quarta-feira (12) a oitiva do ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten, e na quinta-feira (13) de Marta Diéz e Carlos Murillo, presidente e ex-presidente da Pfizer no Brasil.

Para a próxima semana, estão previstos os depoimentos do ex-ministro de Relações Exteriores Ernesto Araújo, na terça-feira (18), do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, na quarta-feira (19), e o da secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde, Mayra Dias, na quinta-feira (20).

Ele também deu a previsão das oitivas para a semana seguintes, com os representantes do Butantan, Dimas Covas, na terça-feira (25), da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, na quarta-feira (26) e da União Química, Fernando de Castro Marques, na quinta-feira (27).

Próximos depoimentos

Também foram convocados para prestar depoimento na CPI da Pandemia nesta semana o ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten, e dois representantes da Pfizer no Brasil: Marta Diez, que assumiu o cargo em 2021, e seu antecessor, Carlos Murillo.

Fernando Marques, presidente da União Química, representante da Sputnik V no Brasil, também deve ser ouvido.

Para a próxima semana, a terceira de audiências na comissão, dois depoimentos já estão marcados: do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, na quarta-feira (19), e o do ex-ministro de Relações Exteriores Ernesto Araújo, na quinta-feira (20).

Acompanhe:

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Técnicos do Dmae realizam vistoria em obra de drenagem do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre
Índia tem nova alta na média semanal de casos de coronavírus
Deixe seu comentário
Pode te interessar