Quarta-feira, 27 de Maio de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
10°
Fair

Rio Grande do Sul O fornecimento de gás natural chegará a Gramado e Canela

Compartilhe esta notícia:

O investimento, o cronograma das obras e as políticas comerciais foram apresentados a empresários da região

Foto: Ascom Sulgás
O investimento, o cronograma das obras e as políticas comerciais foram apresentados a empresários da região. (Foto: Ascom Sulgás)

A Sulgás está chegando a Gramado e Canela, na Serra Gaúcha. O investimento, o cronograma das obras e as políticas comerciais para conexão dos consumidores locais à rede de distribuição de GN (gás natural) foram apresentados a empresários da região durante reunião-almoço realizada nesta quinta-feira (09), no Hotel Laghetto Stilo Borges, em Gramado.

Na abertura do evento, o prefeito de Gramado, João Alfredo Bertolucci, e o presidente da Sulgás, Rafael Pezzella, assinaram a licença para construção da rede canalizada no município.

O projeto de ampliação da rede de gasodutos da Sulgás será feito por etapas. A primeira é a interligação da rede canalizada de Três Coroas a Gramado, perfazendo uma extensão de 30 quilômetros, com implantação em 2020 e 2021.

No ano que vem, também estão previstas as construções e início de operação dos ramais urbanos nas duas cidades, sendo 10 quilômetros distribuídos em Gramado e Canela.

Entre 2022 e 2024, a previsão é de que sejam lançados novos ramais de distribuição visando ampliar gradativamente o atendimento da demanda energética dos municípios com o gás natural. Projeta-se um investimento de R$ 26,4 milhões, nos próximos quatro anos.

Pesquisa avalia potencial de consumo de GN

Além de reuniões e contatos comerciais e institucionais realizados em anos anteriores para apresentar os benefícios do gás natural, foi realizada uma pesquisa, a fim de avaliar o mercado potencial. O estudo identificou no segmento hoteleiro e de alimentação os maiores potenciais consumidores de GN e os energéticos utilizados.

Foram feitas cem entrevistas e mapeados 233 estabelecimentos comerciais entre as duas cidades (63,6% em Gramado e 36,4% em Canela). A demanda por gás natural mensurada no segmento comercial foi de 83.490 m³/mês, incluindo o segmento de bares e restaurantes e de hotéis.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Autoridades dos EUA afirmam acreditar que avião ucraniano foi derrubado por míssil do Irã
Deputados britânicos dão histórica aprovação ao Brexit
Deixe seu comentário
Pode te interessar