Segunda-feira, 14 de Junho de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Fair

Rio Grande do Sul Instituída comissão especial do Centenário do Palácio Piratini

Compartilhe esta notícia:

Comissão contribuirá com a programação do centenário e com o planejamento de benfeitorias à edificação e ao acervo do Piratini

Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini
Relatório tem por base a comparação com o mesmo período do ano passado. (Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini)

O governo do Rio Grande do Sul instituiu, nesta segunda-feira (17), a Comissão Especial do Centenário do Palácio Piratini, celebrado no domingo. A criação do grupo faz parte das celebrações alusivas aos 100 anos da sede do Executivo, localizada na rua Duque de Caxias, no Centro Histórico de Porto Alegre.

Durante a cerimônia, o coordenador do colegiado, Mateus Gomes, apresentou ao governador Eduardo Leite os projetos que serão desenvolvidos ao longo deste ano.

“Vamos trabalhar com muito zelo em função do ano em que vivemos, com muito pé no chão. Vamos celebrar nossa história, nossa memória, e dar acesso ao Palácio Piratini a quem está em casa. O universo digital será nosso grande aliado.”

A comissão foi criada para contribuir com a programação do ano do centenário e com o planejamento de benfeitorias à edificação e ao acervo do Piratini. O grupo é formado por técnicos envolvidos nas pautas referentes aos movimentos propostos pela agenda do projeto.

“Reconheça a cultura como meio de transformação da sociedade para liderarmos, conduzirmos a sociedade no caminho certo da integração, da igualdade, do nosso reconhecimento enquanto povo”, discursou acrescentou Eduardo Leite, acrescentando que:

“O Palácio Piratini é um símbolo da capacidade criativa do nosso povo do Rio Grande do Sul. Ao homenagearmos os 100 anos do Palácio, estamos homenageando a história que está nessas paredes, móveis e objetos, escrita pelas pessoas que por aqui circularam e circulam nos dias atuais”.

A titular da Secretaria Estadual da Cultura, Beatriz Araujo, seguiu na mesma linha: “Se temos tantos talentos à frente das instituições, que podem contribuir para o êxito desse centenário do Palácio, é porque tive oportunidade de escolher pessoas pela competência, pela trajetória profissional, liberdade que me foi dada pelo governador e que agora podemos retribuir, celebrando a memória, difundindo nossa cultura e nossas ações que serão desenvolvidas aqui, com essa parceria dos diretores das instituições”.

Desde 1986 considerado Patrimônio Histórico e Artístico do Estado, o Palácio também foi incluído no projeto “Monumenta” do extinto Ministério da Cultura, com apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco), em uma iniciativa voltada à revitalização de centros históricos do Brasil.

Além disso, em 2000, o Piratini foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. A sua construção foi determinada pelo então governador Júlio de Castilhos, devido à necessidade de substituição do antigo “Palácio de Barro”, erguido no mesmo local em 1773.

Novo Instagram

Já está no ar uma nova conta do Piratini na rede social Instagram. O perfil é @palaciopiratini. O espaço virtual é dedicado ao centenário do prédio histórico e compartilha com o público uma série de conteúdos exclusivos “para que todo mundo se sinta próximo e parte das comemorações”, de acordo com a assessoria de comunicação do governo.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Chegam a 26.724 os casos fatais de coronavírus no Rio Grande do Sul
Hospitais gaúchos começam a receber nova remessa do “kit intubação” nesta terça-feira
Deixe seu comentário
Pode te interessar