Quinta-feira, 09 de dezembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
18°
Mostly Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

| Por receio de colisão com destroços de um satélite perdido no espaço, três astronautas se refugiaram em uma nave acoplada à estação espacial

Compartilhe esta notícia:

Restos de antigo satélite aproximavam-se da estação espacial à velocidade de mais de 12,8 quilômetros por segundo. Foto: Reprodução

Três astronautas da ISS  (Estação Espacial Internacional, na sigla em inglês) refugiaram-se na nave Soyuz na quinta-feira (16) durante quase uma hora por receio de colidir com destroços de um antigo satélite russo à deriva no espaço, informou a Nasa (agência espacial americana).

Os restos do antigo satélite meteorológico aproximavam-se da estação espacial à velocidade de mais de 12,8 quilômetros por segundo. Os astronautas foram orientados a procurarem refúgio na Soyuz, acoplada à estação, e se prepararem para abandonar a estação em caso de colisão. Após uma hora, puderam retornar à estação.

“Os restos do satélite russo passaram pela Estação Espacial Internacional de forma segura. Foi ordenado à tripulação o regresso à ISS”, disse a Nasa em sua conta da rede social Twitter.

Os três astronautas a bordo da ISS são o norte-americano Scott Kelly e os russos Mikhail Kornienko e Gennady Padalka. Esta foi a quarta vez em 15 anos que a estação  acionou o procedimento de precaução. A Nasa estima que há cerca de 500 mil pedaços de detritos espaciais que podem representar ameaça para naves. (Abr)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de |

“Se fiz homem sofrer, foi porque ele mereceu”, diz Anitta
Vídeo mostra turistas atraindo porco para rio cheio de jacarés nos Estados Unidos
Deixe seu comentário
Pode te interessar