Sexta-feira, 21 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Mostly Cloudy

Educação Ministério da Educação reconhece instabilidade de inscrições no Sisu

Weintraub postou vídeo, em seu perfil no Twitter, no qual informava que o Sisu estava “rodando normalmente”.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Weintraub postou vídeo, em seu perfil no Twitter, no qual informava que o Sisu estava “rodando normalmente”. (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O Ministério da Educação confirmou nesta terça-feira (21) que as inscrições no Sisu (Sistema de Seleção Unificada) enfrentam lentidão. Segundo a assessoria de imprensa do MEC, a “instabilidade ocorre devido ao grande número de acessos”. A expectativa é que o serviço se normalize em breve.

No começo da manhã, antes de entrar em reunião ministerial com o presidente Jair Bolsonaro, no Palácio da Alvorada, o ministro Abraham Weintraub postou vídeo, em seu perfil no Twitter, no qual informava que o Sisu estava “rodando normalmente” e já haviam sido feitas “quase 500 mil inscrições”.

No texto que acompanha a mensagem, Weintraub lembra que “cada participante pode optar por se inscrever em dois cursos diferentes!” O período de inscrições vai até domingo (26), às 23h59. Pode fazer a inscrição quem tiver feito o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2019 e não zerado a redação. Gratuito, o procedimento deve ser feito na página do Sisu na internet.

O ingresso nos cursos depende da disponibilidade de vagas na universidade pretendida. “Algumas instituições adotam notas mínimas e/ou médias mínimas para inscrição em determinados cursos”, ressalta nota sobre inscrições do MEC.

Há universidades que têm a prova do Enem como critério de ingresso, mas não disponibilizam todas as vagas para o Sisu. No caso da UnB (Universidade de Brasília), nenhuma vaga será preenchida via Sisu a partir deste ano.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Educação

Nove em cada dez veículos localizados pela polícia na capital podem ser devolvidos em 24 horas
EPTC realiza nova ação educativa com foco na temporada de férias
Deixe seu comentário
Pode te interessar