Sexta-feira, 18 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Fair

Rio Grande do Sul Sobe para 1.974 o número de mortes por coronavírus no Rio Grande do Sul

Compartilhe esta notícia:

Rio Grande do Sul confirma 27 mortes e 702 novos casos de coronavírus.

Foto: SES/Divulgação
O Rio Grande do Sul somou mais 27 mortes por coronavírus neste domingo. (Foto: Reprodução)

O Rio Grande do Sul somou mais 27 mortes por coronavírus neste domingo (2) segundo informou a Secretaria Estadual de Saúde. Na atualização do boletim da SES, também houve o registro de 702 novos casos da doença.  Ao todo, o número de óbitos chegou a 1.974 e de infectados, 71.040.

As mortes confirmadas vem das cidades de Alvorada (homem, 64), Canoas (mulher, 82), Esteio (mulher, 74), Ibirubá (homem, 70), Jaguarão (homem, 90), Lajeado (mulher, 61), Parobé (mulher, 66) e Pelotas que informou o falecimento de duas mulheres de 72 anos. A capital Porto Alegre perdeu dez vidas para o coronavírus. Foram sete homens com idade entre 53 e 81 anos, e três mulheres, entre 65 e 90 anos. Santo Expedito do Sul (homem, 71), São João da Urtiga (mulher, 87), São Leopoldo (mulher, 82), São Vendelino (homem, 84), Taquara (homem, 86), Três Passos (mulher, 76) também registraram perdas. E Viamão que teve dois registros: um homem, 63 anos, e uma mulher de 83 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 28 de julho e 2 de agosto.

Segundo a Secretaria de Saúde, 87% dos casos confirmados são considerados recuperados, o que corresponde a 61.657. Já 10% segue em tratamento, totalizando 7.409 pacientes. A taxa de mortalidade é de 2,8%, o que significa 17,4 a cada 100 mil habitantes.

A taxa de ocupação de leitos de UTI é de 75,3%, com 1.837 pacientes em leitos intensivos. A doença está presente em 94% dos municípios, ou seja 469 do total de 497.

Distanciamento controlado – Nas últimas 36 horas após a divulgação do mapa preliminar do Distanciamento Controlado da 13ª rodada, o governo do Estado recebeu, até o encerramento do prazo para envio na manhã deste domingo (2), 34 pedidos de reconsideração enviados por municípios e associações regionais.

Divulgado na sexta-feira (31/7), o levantamento aponta 12 regiões com bandeira vermelha (alto risco) e oito com laranja (risco médio). Não houve pedido de bandeira laranja para amarela – todas as solicitações são de regiões preliminarmente em vermelho que pedem a permanência em bandeira laranja.

No domingo passado (26/7), quando o mapa preliminar estava com 14 regiões em vermelho, o governo do Estado recebeu 49 pedidos de reconsideração. Na 11ª rodada, foram 59 recursos; na 10ª rodada, 63 pedidos; na nona, 37; na oitava houve o maior número até agora: 67; e na sétima rodada, primeira vez que o governo abriu a instância recursal, foram 30.

As 12 regiões preliminarmente classificadas com risco alto para o contágio por coronavírus na 13ª rodada são Canoas, Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Porto Alegre, Taquara, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Bagé, Pelotas, Santa Rosa, Lajeado e Santo Ângelo.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Gauchão 2020: Grêmio recebe o Novo Hamburgo na Arena, em Porto Alegre
O Inter faz 4 a 0 sobre o Esportivo e enfrenta o Grêmio na final do segundo turno do Gauchão
Deixe seu comentário
Pode te interessar