Terça-feira, 04 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre

Rio Grande do Sul Nota Fiscal Gaúcha volta a ter sorteios mensais

Compartilhe esta notícia:

De julho a outubro, serão realizados dois sorteios em cada mês para regularizar os atrasos

Foto: Sefaz/Divulgação
Os cidadãos sorteados serão informados pelo e-mail, SMS ou telefone cadastrados no site da Nota Fiscal Gaúcha. (Foto: Sefaz/Divulgação)

Após os sorteios de março, abril, maio e junho terem sido adiados com a suspensão das extrações da loteria federal em decorrência da pandemia de Covid-19, o programa NFG (Nota Fiscal Gaúcha) volta a realizar as premiações mensais.

O novo calendário inclui data para a realização dos sorteios adiados e do mês vigente. A programação dos sorteios foi publicada no Diário Oficial do Estado.

O adiamento das premiações do programa nos últimos quatro meses foi necessário porque a plataforma de sorteio do NFG usa como parâmetro o número, a data e os cinco prêmios da loteria federal do dia anterior para destinar os prêmios mensais.

De julho a outubro, serão realizados dois sorteios em cada mês para regularizar os atrasos. Dessa forma, nesta segunda-feira (13) ocorre o sorteio relativo ao mês de março, com cerca de 19 milhões de bilhetes concorrendo a prêmios em dinheiro. No dia 27 de julho, será realizado o sorteio regular referente ao mês vigente.

Devido à pandemia de Covid-19, que fez com que o Estado registrasse queda de arrecadação nos últimos meses, os valores mensais das premiações do NFG também precisaram passar por reavaliação. Atualmente, são R$ 225 mil mensais divididos em 251 prêmios. Nos sorteios regulares de julho até dezembro, o valor será reduzido para R$ 110 mil por mês, distribuídos em 156 prêmios. Os sorteios adiados (março a junho) mantêm a premiação como já era prevista (R$ 225 mil e 251 prêmios).

Os consumidores sorteados serão informados através do e-mail cadastrado, SMS, telefonema ou pelo cadastro do site Nota Fiscal Gaúcha. A lista com os nomes dos contemplados será publicada no dia do sorteio. Para resgatar os valores, os consumidores têm até 90 dias, a contar da divulgação dos resultados.

Com mais de 1,8 milhão de pessoas cadastradas, o NFG gera pontos que são acumulados sempre que o consumidor solicitar a inclusão do seu CPF no documento fiscal. O pedido deve ser feito no momento da compra em todos os estabelecimentos varejistas e automaticamente o cliente estará participando do sorteio mensal.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Secretaria da Educação do RS oferece plataforma de apoio para o desenvolvimento de professores da rede estadual
Bolsonaro critica “desinformação” e “pânico disseminado” durante a pandemia de coronavírus
Deixe seu comentário
Pode te interessar